Saturday, 17 October 2015

2016.02.12_13 - UNDER THE DOOM FEST 2016 - RCA Club - Alvalade


 

 

UNDER THE DOOM 2016 @ RCA CLUB

DATA: 12 e 13 Fevereiro 2016

LOCAL: RCA Club - Lisboa
Morada: Rua João Saraiva, nº 18
Bairro De Alvalade

12 Fevereiro // 12th February:
- PRIMORDIAL |Ir|
- PAINTED BLACK |Pt|
- FOSCOR |Sp|
- NEVOA |Pt|

More special Guests for after the shows:
- ETERNA SAUDADE (acustic chill out show)

(PORTAS // Doors Open 20:00 – INICIO // Show start 20:30)


13 Fevereiro // 13th February
- ESOTERIC |UK|
- ORTHODOX |SP|
- MOURNING DAWN |Fr|
- CARMA |Pt|
- SHATTERD HOPE |Gre|
- MY MASTER THE SUN |Pt|

(PORTAS // Doors Open  19:30 – INICIO // Show start 20:00)

TICKETS AVAILABLE NOW // BILHETES JÁ DISPONIVEIS:
Pass 2 days // 2 dias  |12th and 13th| Pre Sale // Pré-venda = 38€ |Doors // Portas = 40€|
Day 12th |Friday| // Dia 12 - Pre Sale // Pré-Venda = 20€ |Doors = 22€|
Day 13th |Saturday| // Dia 13 - Pre Sale // Pré-Venda = 20€ |Doors = 22€|

E-mail (by bank transfer) – Notredame.promo@gmail.com
Online: http://www.unkind.pt/
- Carbono - Amadora
- Glam-o Rama - Lisboa
- RCA Club - Lisboa
- Side B – Benavente

BANDAS // BANDS:

PRIMORDIAL (Ireland)


Os verdejantes campos da Irlanda têm desde sempre oferecido ao mundo a inspiração ideal para alimentar as veias criativas de músicos, pintores e escritores, mas sobre a pequena cidade de Skerries (Dublin) recai a glória de ter assistido ao nascimento de uma banda singular nos meandros da música pesada, conhecida por todos como PRIMORDIAL!

Caminhando para quase 30 anos de carreira, a banda liderada pelo carismático AA Nemtheanga tem vindo a trilhar o seu percurso com uma vincada combinação de trabalho árduo e determinação que contribuiu para, ao longo de todos estes anos, transformar um grupo de adolescentes empenhados em tocar versões das suas bandas de eleição, na verdadeira instituição que representam na actualidade. Uma força criativa empenhada em desenvolver as possíveis ligações entre o peso e a harmonia, entre o Black Metal e o Folk, entre as divindades de hoje e os panteísmos do passado.

Com a mão segura de Nemtheanga ao leme, os PRIMORDIAL têm sabido navegar através das pantanosas águas editoriais, o que lhes permitiu atingir um fundo de catálogo invejável que, entre alguns splits e demos, conseguiu também gerar 8 albuns de originais até ao momento, sendo que o título mais recente nesta história, “Where Greater Men Have Fallen”, editado pela Metal Blade em 2014, tem sido alvo de excelentes críticas, à semelhança de quase todos os seus longa duração anteriores. Uma declaração evidente de que os irlandeses não deixam os seus créditos à mercê de ninguém, quando chega o momento da composição e gravação de um novo trabalho.

A ligação dos PRIMORDIAL ao nosso país data já do final dos anos noventa, altura em que visitaram terras lusas, acompanhados na altura pelos nossos Sacred Sin e Masque Of Innocence, uma experiência que a banda continua a guardar como uma das suas melhores! Este foi o abrir de portas para que sucessivas visitas tivessem acontecido posteriormente, para grande agrado dos fans portugueses que tanto apreciam o trabalho desta banda. Uma visita que se vai repetir no próximo dia 12 de Fevereiro, em mais uma edição do festival Under The Doom!


ESOTERIC (England)

A escuridão é pródiga em alimentar seguidores e um dos nomes que lhe tem prestado o tributo merecido terá que ser o dos ingleses ESOTERIC! A banda de Birmingham tem-se dedicado a explorar os meandros mais obscuros da música pesada desde a sua formação, quando decorria o ano de 1992 e actualmente, volvidos todos estes anos, continua empenhada em oferecer a sua visão obscura, onde convivem assombrações de psicadelismo e experimentação, entrelaçados com palavras envolvendo emoções e estados filosóficos da mais variada estirpe. Nunca o nome de uma banda fez tanto sentido quando colocado face à sua música.

A atitude desta banda, responsável por obras como “Epistemological Despondency”, “The Maniacal Vale” ou o mais recente “Paragon of Dissonance”, recusando o compromisso e assumindo o empenho total na forma como a sua arte deve ser representada e experienciada, pode transformá-los em frequentes visitantes das áreas mais remotas do espectro musical, até mesmo para os parâmetros conhecidos do universo da música pesada, mas é também isso mesmo que ilustra a integridade de uma banda que se mantém fiel aos seus princípios e que se recusa a percorrer os caminhos mais simples que se lhes apresentam.

Pensar em grande, este parece ser o lema presente na carreira dos ESOTERIC, como pode ser facilmente comprovado quer sejam pelos seus temas e albuns que desafiam os moldes definidos, quer sejam os seus concertos, grandiosos em atitude, ambiente e sentimento! Não existe forma de escapar incólume a uma apresentação desta banda e esse é um dos motivos pelo qual a Notredame Productions volta a contar com a presença dos britânicos, desta vez para a edição de 2016 do festival Under The Doom! No próximo dia 13 de Fevereiro, a sala do RCA Club vai ter oportunidade de embarcar numa viagem única para outras dimensões, proporcionada pelo portal controlado pelos ESOTERIC!


SHATTERED HOPE (Greece)

Os gregos SHATTERED HOPE foram formados quando decorria o ano de 2002, vindos da cidade de Atenas e dedicados a uma interpretação que percorre os meandros negros do Doom/Death Atmosférico, influenciado por nomes como My Dying Bride, Saturnus ou Mourning Beloveth, esta banda passou pelas habituais transformações a nível de line-up, até se ter estabilizado o suficiente para que as primeiras gravações começassem a ver a luz do dia.

A demo “A View Of Grief” (2005) e uma promo com dois temas lançada em 2007 foram as primeiras amostras da música que pretendiam oferecer ao mundo, mas foi necessário esperar até 2010 para que “Absence”, o primeiro longa-duração, fosse gravado e editado através da editora Solitude Productions. O segundo album, “Waters Of Lethe”, veio em 2014 e constitui actualmente o cartão de visita para a banda que a 13 de Fevereiro partilhará o palco do RCA Club, juntamente com ESOTERIC e PANTHEIST, os outros nomes já confirmados para esta noite sob o signo Under The Doom.


PAINTED BLACK (Portugal)

Os nacionais PAINTED BLACK são desde há muito tempo uma confirmação na cena portuguesa, com os seus créditos reconhecidos também para lá das nossas fronteiras. A banda de Tortosendo, actualmente sediada em Lisboa, comemora 15 anos de carreira no próximo ano e tem vindo a oferecer diversos lançamentos de qualidade, desde a primeira demo “The Neverlight” (2005), até ao mais recente EP, “Quarto Vazio” lançado em 2014.

Praticantes de uma sonoridade que oscila entre o Gothic e o Doom Metal, foram já considerados por três vezes como a melhor banda não assinada nas escolhas da revista Loud Magazine e a determinação e ética de trabalho desta banda promete que as distinções não se fiquem por aqui. Desta forma, celebrando não só uma data redonda na sua carreira, mas também garantindo mais um nome de qualidade a adicionar ao cartaz, os PAINTED BLACK juntam-se ao Under The Doom Fest, para abrilhantar a noite de 12 de Fevereiro com mais uma amostra da qualidade oferecida por este projecto de referência


MOURNING DAWN (France)

Vindos de França, os MOURNING DAWN são outro nome adicionado ao cartaz do Under The Doom, para a noite de 13 de Fevereiro. Esta banda francesa iniciou as suas actividades em 2002, criada pelo músico Laurent "Pokemonslaughter" (voz/guitarra), vivendo os seus primeiros tempos como uma one-man-band até 2005, altura em que a entrada de novos músicos veio transformar o colectivo num quarteto, proporcionando assim maiores oportunidades para tocar ao vivo, situação que se mantém até aos dias de hoje.

- Laurent : vocals/guitars (ex Inborn Suffering, Funeralium)
- Vincent : bass guitar (Heol Telwen, Ex-Funeralium)
- Fabien : guitars (ex Ad vitam Aeternam)
- Nicolas : drums (ex Ad vitam Aeternam)

O primeiro album, auto-intitulado, saiu em 2007, mostrando ao mundo a abordagem depressiva e melancólica que os MOURNING DAWN escolheram para aplicar ao Black Metal e ao Doom, utilizando estas duas vertentes para veicular as suas mensagens e conceitos ligados à dor, ao desespero e aos sentimentos que atravessam o Homem. Para aqueles que mais facilmente se conseguem guiar pelas influências associadas, pensem em bandas como Shining, Katatonia, Bethlehem ou Evoken.

Depois de terem lançado um segundo disco intitulado “For The Fallen...” em 2009, os MOURNING DAWN vêm a Portugal trazendo na bagagem o seu terceiro e mais recente album, “Les Sacrifiés”, que certamente servirá de base para aquilo que promete ser um concerto intenso e carregado de emotividade pintada em tons de negro.

https://www.youtube.com/watch?v=TBPDgeNbnps



NEVOA (Portugal)

No que diz respeito aos meandros mais obscuros da música pesada, Portugal não tem qualquer tipo de dívida face ao panorama underground actual. São muitos os projectos que vão surgindo um pouco por todo o lado e a qualidade encontra-se facilmente a cada novo lançamento que vai vendo a luz do dia, ou as trevas da noite, se assim o preferirem. Os NEVOA são um desses casos.

Formados no Porto, em 2014, este projecto constituído pelos músicos Nuno Craveiro e João Freire, cedo se estreou em estúdio com o registo do primeiro single, “Below A Celestial Abyss”, lançado nesse mesmo ano. Alguns meses depois, já em pleno 2015 sai “The Absence Of Void”, a estreia em album que se tem vindo a espalhar um pouco por todo o underground e que tem vindo a conquistar muitas críticas positivas por parte da imprensa do género.

Ancorados numa sonoridade que melhor se descreve como uma viagem aos recantos mais atmosféricos do Black Metal, a banda do Porto vai levar os temas do seu disco de estreia ao palco do RCA Club, incluídos no cartaz de dia 12 de Fevereiro do Under The Doom Fest. Uma visita à sala lisboeta que vai certamente ajudar a firmar os créditos dos NEVOA como mais uma certeza na cena underground nacional.

https://www.youtube.com/watch?v=FdhNKOf1dmc&list=RDFdhNKOf1dmc#t=511



FOSCOR (Spain)

O ano de 1997 assistiu ao nascimento dos FOSCOR, um colectivo catalão que desde cedo se iniciou nas negras artes do Black Metal, fazendo uso de uma mistura de diversos elementos e influências, onde se destacam o uso do Catalão nas suas letras, bem como a utilização do período de Arte Modernista daquela província espanhola como base para a sua imagem.

“Entrance to the Shadows' Village”, o primeiro album surgiu em 2004, pelas mãos da Sacral Productions, ao que se seguiram “The Smile of the Sad Ones” (2007) e “Groans to the Guilty” (2009). Pelo meio foram ficando diversos splits, demos e um album ao vivo celebrativo que deu origem também a um DVD, ambos intitulados “Deu Anys vers la Foscor”. O mais recente trabalho foi lançado em 2014 e apresenta a banda espanhola num momento de carreira assumidamente diferente daquilo que os marcou nos primeiros anos.

Em “Those Horrors Wither” podemos encontrar uns FOSCOR mais progressivos, focando a sua música em temas mais elaborados e recorrendo frequentemente a vocalizações limpas para ilustrar os contrastes conseguidos por uma sonoridade amadurecida ao longo de quase duas décadas de actividade. Esta será a base daquilo que os catalães vão oferecer ao palco do RCA Club no próximo dia 12 de Fevereiro. A não perder!

https://www.youtube.com/watch?v=-Xv6_93ybhw

Textos: Rui Marujo (Notredame Productions)


CARMA (Portugal)
O mais recente nome a acrescentar à verdadeira procissão de qualidade que vai passar pelo palco do UNDER THE DOOM FEST chega de Coimbra e chama-se CARMA, uma banda formada em 2011 pelos elementos do projecto Everto Signum. Este colectivo aposta numa sonoridade baseada nas diferentes vertentes conseguidas através da exploração do Funeral Doom e do Black Metal de inspiração mais atmosférica.

Foi durante o ano de 2015 que os CARMA editaram o seu registo de estreia, um disco auto-intitulado, lançado através de uma parceria entre a Labyrinth Productions, Aesthetic Death e Dying Sun Records, com artwork da responsabilidade da Infected Minds Alliance. O disco é composto por seis temas cujas letras, escritas em Português, abordam assuntos como a Morte, a Perda ou o Luto e será com base nestes temas e nos seus ambientes melancólicos que a banda de Coimbra apresentará o seu espectáculo no palco da sala lisboeta no Sábado dia 13, na terceira posição. Mais uma presença nacional num festival a não perder.

CARMA
Bandcamp: https://carmadoom.bandcamp.com/
Facebook: https://www.facebook.com/carma.doom
Official lyric video: https://www.youtube.com/watch?v=8_1Cc6Dcotk


MY MASTER THE SUN (Portugal)
Os MMTS são uma banda lisboeta, formada em 2013, numa triste época de dormência social, futebol e estrelas de reality shows. Com uma narrativa forjada na luta de classes, os MMTS procuram musicar, com raiva e poderio sonoro, o que sentem como urgente, numa revolta que salta das entranhas para as ruas deste ou qualquer país, em ondas espasmódicas de violência visceral.

Num território com decibéis que nunca são a mais, onde conspiram as guitarras trovejantes e ritmos anafados, a voz dá vida ao lamento desesperado do homem, perdido, mas consciente da sua existência, com ganas de desconstruir o mundo à sua imagem: LIVRE e iconoclasta.

Depois de um ano de estrada, e após o lançamento do seu CD de estreia, os MMTS estão agora a preparar o lançamento do próximo de disco, a sair no primeiro trimestre de 2016.
Os MMTS vão abrir as hostes do segundo dia do Festival, dia 13 de Fevereiro às 19:30.

MY MASTER THE SUN 
https://www.facebook.com/mymasterthesun/

http://ragingplanet.bandcamp.com/album/my-master-the-sun-my-master-the-sun
https://www.youtube.com/channel/UCgRtQj_zNL-EDVxtwLI09ZQ
https://www.youtube.com/watch?v=-Xv6_93ybhw


PRIMORDIAL : "Babel's Tower" : Videoclip:
https://www.youtube.com/watch?v=FpuwbyM5BKc



ESOTERIC : Live at Obscene Extreme : Live Performance
https://www.youtube.com/watch?v=D0-mgCQQMO4




EVENTO FACEBOOK: https://www.facebook.com/events/1149682381715604/


Mais Informações em:
Side B - Live Concerts Venue - Benavente
www.facebook.com/sideb.sideb 
www.sidebclub.com 
www.myspace.com/sidebbar

Localização - SIDE B:
Coordenadas GPS SideB :
38º 58' 40' N / 8º 48' 02' W
38.97814 N - 8.800639 W

No comments:

Post a Comment